segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Segredos da Linguagem Corporal - Cuidado com os Gestos Negativos!

Você quer apresentar uma nova ideia para o seu gestor ou irá  treinar seus subordinados e quer despertar interesse e atenção de todos.
Você pode também estar diante de um cliente potencial sonhando em fechar uma venda! Durante a apresentação ou reunião, preste muita atenção aos sinais de aborrecimento, desinteresse, dúvidas e desconfiança. Percebendo tais sinais, você pode contornar a apresentação, questionar, pedir opinião, para alterar a postura e consequentemente qualquer pensamento negativo!

Os principais gestos negativos  são:

Mão no queixo: Desconfiança, dúvidas.
Mão no queixo, indicador levantado na bochecha: Não gosta do que ouve
Mão no queixo cabeça apoiada: aborrecimento, tédio.
Braços Cruzados: criando barreira, desconfiança, insegurança.
Coçar a cabeça: Desaprovação
 


Na foto acima podemos observar duas variantes da mão no queixo. Joaquim Barbosa está
transmitindo tédio e aborrecimento, enquanto Gilmar Mendes está na posição de mão no queixo com o indicador levantado na bochecha, transmitindo claramente que não está satisfeito com o que ouve.

Imagine que você está na frente de um cliente fazendo sua melhor apresentação do produto e ele está na mesma posição do Gilmar Mendes! Mude a conversa! Pergunte se ele tem dúvidas!


Em seguida temos a Presidenta Dilma na missa Papal no Vaticano.
Todos sabem que Dilma é ateia e o gesto é de  incredibilidade do que está ouvindo, talvez um pouco de aborrecimento. O braço cruzado criando uma barreira e as pernas posicionadas para trás completam a postura negativa.



Observem o rapaz à direita. Esse gesto de mão no queixo é de dúvidas, porém o corpo inclinado para frente também quer dizer que ele está interessado no que ouve.



A Presidenta Dilma nesta foto com a mão no queixo deixa bem claro suas dúvidas e desconfiança sobre o que está sendo dito. Além da mão no queixo, o conjunto: sobrancelhas arqueadas e boca serrada com os cantos para baixo, completam os gestos negativos.

 


Braços cruzados é uma posição de defesa bastante negativa.Também é um gesto de discordância com o que está sendo dito. Obvio que uma pessoa pode estar com o braço cruzado em uma fila que não vai ter um contexto propriamente negativo.
Durante uma palestra, apresentação ou diante do seu chefe, o braço cruzado não é um bom sinal e , neste caso é bom lançar mão de algum recurso para “quebrar o gelo”. 

Segundo pesquisas realizadas nos EUA, uma pessoa de braços cruzados em uma palestra consegue reter menos informação do que outra com os braços descruzados. Por esse motivo nas salas de cursos e treinamentos, bem como auditórios, as cadeiras devem ser com braços.

Algumas pessoas falam: “Ah mas eu me sinto confortável assim!”, mas lembre-se que todo gesto é confortável quando corresponde a uma atitude interna!

Na foto acima, Aécio Neves não parece muito contente com o discurso do Serra. Observem que além dos braços, Aécio tem a cabeça levemente inclinada para o lado, a testa franzida e a boca serrada, ou seja, um conjunto negativo, como mostra o detalhe do seu rosto abaixo.

 

Vamos supor que você entrou na sala do seu chefe e expôs  aquela ideia e ele fez o mesmo gesto do Ministro José Eduardo Cardozo na foto abaixo.
Esse gesto significa que ele desaprova tal ideia ou  sua opinião. Geralmente o coçar da cabeça é seguido do arquear das sobrancelhas.





Como seria bom se pudéssemos ler a mente das pessoas!
O conhecimento da Linguagem Corporal não vai nos dar este poder, mas por outro lado, nos ajuda a melhorar a capacidade de comunicação e a decifrar a verdadeira intenção das pessoas por trás de seus sorrisos, gestos e expressões!

Fica a dica e sucesso em 2014!